Início > Mensagens > Veja o quanto Jesus sofreu por Você e por Mim

Veja o quanto Jesus sofreu por Você e por Mim


Relato feito por um grande estudioso Francês, o médico Dr Brarbet. Para se compreender realmente as dores de Jesus durante a sua paixão.

Jesus entrou em agonia no Getsemani ( escreve o evangelista lucas ) orava mais intensamente. “E seu suor tornou-se como gotas de sangue a escorrer pela terra. O suar sangue, ou “Hematidrose”, é um fenômeno raríssimo. Para provocá-lo é necessário uma fraqueza física, acompanhada de um abatimento moral violento causado por uma profunda emoção, por um grande medo. O terror, o susto, e angústia terrível  de  sentir-se  carregando todos os pecados dos homens devem ter esmagado Jesus . Tal tensão  extrema produz o ropimento das finíssimas veías capilares que estão sob as glândulas sudoríparas, o sangue se mistura ao suor e se concentra sobre a pele, e então escorre por todo corpo até a terra.

Momentos depois Pilatos ordena a flagelação de Jesus. Os soldados despojam Jesus e o prendem pelo pulso a uma coluna do pátio. A flagelação se  efetua com tiras de couro múltiplas sobre as quais são fixadas bolinhas de chumbo e de pequenos ossos.

Os soldados devem ter sido dois, um de cada lado golpeiam com chibatadas a pele, já alterada por milhões de microscópicas hemorragias do suor de sangue. A pele se dilacera e se rompe; o sangue espirra, a cada golpe Jesus reage em um sobressalto de dor. As forças se esvaem, um suor frio lhe impregna a fonte, a cabeça gira em uma vertigem de naúsea, calafrios lhe correm ao longo das costas. Se não estivesse preso no alto pelos pulsos, cairia em uma poça de sangue.

Depois o escárnio da coroação. Com longos espinhos mais duros que aqueles da acácia, os algores entrelaçam uma espécie de capacete e o aplicam sobre a cabeça. Os espinhos penetram no couro cabeludo fazendo-o sangrar ( os cirurgiões sabem o quanto sangra o couro cabeludo).

Pilatos mostra Jesus dilacerado à multidão e de seguida o entrega para ser crucificado. Colocam sobre os ombros de Jesus o grande braço horizontal da cruz( pesa uns 50 kg); a estaca vertical já está sobre o calvário.

Jesus caminha com os pés descalços pelas ruas de terreno irregular. O percurso é de cerca de 600m; Jesus fatigado, arrasta um pé após o outro, frequentemente caí sobre os joelhos, os ombros estão cobertos de chagas. Quando Ele caí por terra a viga lhe escapa, escorrega e lhe esfola o dorso.

Sobre o calvário tem inicio a crucificação. O sangue começa a escorrer. Jesus é deitado de costa, as suas chagas se incrustam de pé e pedregulhos.

Depositam-no sobre o braço horizontal da cruz ; com uma broca é feito um furo na madeira para facilitar a penetração dos pregos; os soldados pegam um prego(um longo prego pontudo e quadrado), o apoiam sobre o pulso de Jesus, com um golpe certeiro de martelo O rebatem sobre a madeira. Pode-se imaginar aquilo que Jesus deve ter provado, uma dor agudissima, que se difundiu pelos dedos, e espalhou-se como uma lingua de fogo, pelos ombros lhe atingindo o cérebro. Uma dor mais insuportável que um homem possa provar.

Em seguida pregam-lhe os pés. Ao meio dia Jesus tem sede; não bebeu desde a tarde anterior. A boca está semi-aberta e o lábio inferior começa a pender. Um soldado lhe estende sobre a ponta de uma vara, uma esponja embebida em bebida ácida … Sua respiração se faz pouco a pouco mais curta; o ar entra com um síbilo, mas não consegue mais sair. Jesus respira com o ápice dos pulmões. tem sede de ar(como um asmático em plena crise) os pulmões cheios de ar não podem mais esvaziar-se.

Mas lentamente um esforço sobre-humano, Jesus tomou um ponto de apoio sobre o prego dos pés. Esforçando-se a pequenos golpes, se eleva aliviando a tração dos braços. a respiração se torna mais ampla e profunda, os pulmões se esvaziam. Porquê esse esforço? porque Jesus quer falar: “Pai, perdoa-lhes porque não sabem o que fazem”.

Logo em seguida o corpo começa afroxar-se de novo, e a asfixia recomeça. pouco depois o ceú escurece, o sol se esconde e de repente a temperatura baixa… Todas as suas dores, a sede, as cãibras, a asfixia lhe arrancaram um grande lamento: “Meu Deus, meu Deus porque me abandonastes?”. Jesus grita: “Tudo está consumado!”. Em seguida disse: “Pai, nas tuas mãos entrego o meu espirito.” E morre.

Anúncios
Categorias:Mensagens Etiquetas:, ,
  1. Março 12, 2012 às 11:14pm

    “MEU NOME É ELISEU GOIVINHO, FUI EU QUEM FIZ OS COMENTÁRIOS ACIMA, NO DIA 1 DE JULHO DE 2011; MEU EMAIL É: eliseugoi@gmail.com, QUEM QUISER TROCAR EMAIL COMIGO, PODEM FICAR A VONTADE, ACEITO NOVOS AMIGOS NO EMAIL OU ORKUT, É SÓ ME CONVIDAR. ”amo a Deus, odéio as religiões”

  2. Dezembro 9, 2011 às 11:06pm

    nossa isso doi o coracao

  3. Julho 1, 2011 às 1:17am

    Saiba que , se preciso fosse, Jesus faria tudo de novo. Pense nisso, não em religião, não em qualquer tipo de seita religiosa que so faz julgar aqueles que não fazem parte dela.(SEITA). Sei que não é facil entender o que motivou tamanho sofrimento, tentam explicar porém, só complicam mais e mais, querendo tirar algum tipo de proveito dos pobres membros . Mas saibam que esse sacrificio perfeito, de Nosso Senhor Jesus Cristo, de uma forma ou de outra, vai beneficiar toda a humanidade. O deus das igrejas, notem, “deus”, não é o Senhor. O Senhor não é um ser confuso, que fala, fala, fala, o tempo todo, em diversos lugares, sem nenhuma harmonia sobre o que fala. Isso é sim, coisa de deuses que não são onipresente. Não se deixem enganar, quieto esta´ o Senhor, mas muito em breve ELE vai falar, os SEUS o ouvirão! Atenciosamente: Eliseu Goivinho- email- eliseugoivo@gmail.com

  4. Março 18, 2010 às 4:56am

    Olá, gostei muito de seus artigos, gostaria de te convidar para partipar de uma rede de troca de conteúdo, para mais detalhes me adiciona no msn co_herdeiro@hotmail.com ou me manda um email ok. Abraços. Samuel

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: